Entre Anjos e Demônios

Forum gratis : Fórum destinado ao sistema de RPG storyteller Demônio a Queda para jogos Play By Fórum. Narradores e Jogadores ativos. Sistema de Exp e evolução de Personagem. Seja um Anjo ou um Demônio em uma busca pela decisão do Juizo Final.
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 A História - Leitura Importante

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
Beaumont
Knight
Knight
avatar

Mensagens : 260
Data de inscrição : 11/02/2017
Idade : 29

MensagemAssunto: A História - Leitura Importante   Sab Fev 11, 2017 11:27 pm

Autor : Blake (muito obrigado por tudo) seja sempre bem vindo ...

Tudo começa com a Criaçao do Eden, com DEUS ordenando aos Anjos a criarem um local de rara beleza e de harmonia indescritivel. 

Nesse momento, se apresentam as CASAS dos Anjos; sao sete, os chamados Sebettu, cada um responsavel por um aspecto do mundo: Aguas, Vida, Vento, Fogo, Terra, Forja, Animais, Plantas, Renovaçao, Cosmos, etc [é muita coisa, eles eram mais do que apenas responsveis por elementos, esses Anjos era literalmente as chuvas, a brisa oceanica, o vento percorrendo vales e tocando folhas, etc]

E o mundo [ou EDEN] era lindo e perfeito, harmoniozo como DEUS desejava. Entao, DEUS criou ADAO e EVA [com o auxilio dos Anjos, ja que eles eram as ferramentas DELE na Criaçao] e impos aos Anjos, que eles nunca se revelassem e que amassem incondicionalmente os humanos. [Interessante, que em DEMON, os humanos nasciam imortais, sem a capacidade de morrer ou sofrer a açao do tempo]

E os Anjos aceitaram essas condiçoes; mas amargaram-na no anonimato. DEUS se revelava para os humanos e recebia a FÉ deles e a adoraçao, mas ADAO e EVA nao eram dotados de Consciencia; o que os levava a ser pouco mais que um cachorro ou um macaco.

Eles nao sabiam apreciar o por-do-sol, ou o perfume de uma flor; tudo o que importava a eles era a noçao de alimentar-se quando tinham fome, de aquecerem-se quando anoitecia. DEUS esperava que o tempo mudasse, fazendo com que os humanos aprendessem a evoluir; mas isso nunca acontecia e DEUS se frustava [e ADAO e EVA ficavam triste, e em dupla dor, sofriam os Anjos no anonimato]. 

Ate que um Anjo previu uma grande catastrofe para os humanos, o que deixou as CASAS preocupadas; e em reunioes, eles decidiram se rebelar contra a ordem de nunca se revelarem para os humanos [ja que os Anjos concordaram que poderiam suportar nao ter o amor de DEUS, mas que jamais poderiam viver sem os humanos que eram praticamente seus filhos]. É nessa reuniao e em meio a essa decisao, que aparece LUCIFER "ESTRELA-DA-MANHA", e antes que todos achassem que seriam entregues como traidores para DEUS, LUCIFER disse que vinha se juntar a causa, porque amava demais aos humanos.

Com LUCIFER como lider, os Anjos acreditavam que DEUS iria entender, com o tempo, que eles estavam certos em sua decisao. Embora nao fossem unanimes, a parte que nao concordara em se revelar, voltou para DEUS, apos um de seus Anjos ser derrotado por LUCIFER numa disputa. [Interessante tambem, que em DEMON, ate este momento, nao existe o conceito de morte, de destruiçao. Quando derrotado, o Anjo admitia a superioridade de seu oponente e retirava-se.] 
Nesse meio tempo, os humanos ja haviam procriado, havia Abel, Caim e varios outros; pois quando os Anjos se revelaram,aceitaram os presentes oferecidos dos anjos.
Quando o sol brilhou sobre as novas obras do Homem, surgiu juntamente com uma vanguarda de anjos. Primeiro entre eles estava Miguel- outrora o Querubim do Raio Infalível. Agora, cintilando acima do Paraíso, ele se anunciou com um novo título.

“-Eu sou Miguel, Serafim da Espada Flamejante e Voz de Deus. Vim trazer notícias do Criador de Tudo, notícias de Sua fúria e terrível vingança.”

Os seres humanos, apavorados, caíram de joelhos, mas nenhum Anjo rebelde se ajoelhou. Ao contrário, se dispuseram acima dos discípulos mortais, segurando ferramentas que pudessem servir como armas. Enfrentaram a Hoste Divina sem se intimidarem.

“-Pecaste contra o Mestre”-disse Miguel- “e a ira de Deus é imensa. Mas maior ainda é Sua infinita misericórdia. Obedecei a Sua ordem derradeira, renunciai a este egoísmo e talvez possais ainda evitar o castigo.”

Lúcifer confrontou Miguel e, quando os olhos de ambos se encontraram, a própria luz vacilou entre seus dois mestres.
“-Qual é essa ordem derradeira?”-perguntou Estrela da Manhã.
A resposta de Miguel foi um sorriso escarninho.
“-Para ti, rebelde, e toda a tua espécie, é simples: retornar às esferas mais altas do Céu, onde os anjos encarregados do castigo poderão vos reduzir a nada, ó pecadores; desfazendo vossas formas, silenciando vossos nomes e vos condenando à negra aniquilação, que é o que mereceis.”

Voltando-se para a multidão de seres humanos abaixo, ele disse:
“-Abandonai os presentes maculados destes rebeldes, renunciai a vosso conhecimento mal adquirido, e talvez possais ainda retornar às boas graças de vosso Criador. O mundo será purgado de vossas obras pecaminosas, e vossas mentes serão libertas da perversa argúcia dos rebeldes. Tudo será como antes. De fato, nem mesmo sabereis que algo mudou.”

Lúcifer ousou rir alto de seu antigo servo, o querubim que usurpara sua posição.

“-Que oferta generosa a tua! Devemos retornar humildemente, cabisbaixos, e, como recompensa por nossa submissão...deixar de existir? Dize-me, mereceríamos castigo pior caso nos recusássemos a obedecer também a essa ordem? Pois, dada a opção do olvido, encontro-me seriamente inclinado a pensar em alguma coisa.”
“-Estais assim tão imersos na rebelião? Tão bêbados de obstinação, tão degradados pela desobediência que o conflito com Deus deixa de ser castigo maior que a destruição?”
“-Não somos nós a fazer ameaças. Não somos nós a invectivar, falando em destruição. Não somos nós a exigir que outro docilmente façam fila e sejam destruídos pelo crime de proteger a quem amam.”
“-Enoja-me pensar que um dia fui teu servo”- disse Miguel. “-Acrescentas ofensa e blasfêmia a tua arrogante desobediência. Tua ruína servirá como um grande alerta aos demais de tua hoste detestável.”

Miguel desembainhou sua espada flamejante e forçou o primeiro ataque. Mas as grandes asas de Lúcifer eram céleres, e todos os poderosos golpes de Miguel foram obstruídos pela velocidade do antigo senescal do Céu. Ao mesmo tempo, de uma outra maneira, os dois discutiam os termos e os parâmetros do combate. Como seres praticamente ilimitados, eles sentiram a necessidade, naquele momento, de refrear toda a magnitude de seu poder. Do contrário, o embate poderia ter varrido a humanidade da face da Terra.

Após a batalha, Lúcifer derrotou Miguel. Ainda não haviam degenerado tanto a ponto de realmente ferir o outro. Não, simplesmente ficou claro que Lúcifer seria capaz, caso desejasse, de ferir Miguel antes que Miguel o ferisse. Tão logo isso ficou claro, os dois guerreiros se recolheram com honra e cortesia. Conhecido o resultado, de que adiantaria torna-lo real?

Um grande viva se ergueu do exército rebelde, e a humanidade o imitou.
“-Eis tua resposta”-disse Lúcifer.-“Nossa oposição continua. Se desejas nos destruir, saibas que arriscas tua própria destruição.”
“-Não falas em nome deles”-disse Miguel, derrotado, mas ainda determinado.-“Que pareçam aqueles que desejam obedecer!”

Um terço da Hoste Celestial estava ao lado de Lúcifer. Eram 30.300.030. Apenas dois fraquejaram e retornaram para serem castigados.

“-Que assim seja”-disse Miguel.“-Temos a resposta dos rebeldes menos importantes. Agora, vejamos os mais significativos.”
Adão e Eva deram um passo à frente, apresentaram-se de cabeça erguida e percorreram com os olhos a grande nação gerada por eles e por seus filhos.
“-Lúcifer nos ensinou, Belial, nos ajudou e Senivel construiu a nosso lado. Eles nos deram muitas coisas boas, e nós os conhecemos. Sois um estranho para nós, Miguel, Portador da Espada, e nada nos ofereceis além da ignorância, privação e isolamento. Ficaremos com nossos amigos.”

Lúcifer então deixou cair uma lágrima brilhante quando essas palavras se fizeram ouvir. É claro que nem toda a humanidade seguiu a escolha de Adão e Eva, Pai e Mãe de Todos. Um de seus filhos, Abel, deu um passo à frente e falou:
“-Respeito aqueles que me criaram, mas não devo respeitar ainda mais Aquele que os criou? Essas coisas que fizemos são magníficas, e eu as desejo. Mas desejo ainda mais a virtude. Obedecerei, Miguel. Seguirei Deus.”

Ele foi acompanhado por seus filhos e sua tribo, um quarto da humanidade.
Enquanto os humanos legalistas partiam, Miguel e suas legiões zelavam por eles. Mas, enquanto os via partir, Miguel novamente se dirigiu a Hoste Profana:
“-Renitentes na heresia e na insurreição, sabei que sereis condenados por vossas próprias bocas e castigados por vossas próprias mãos. Cada um há de conhecer o agudo tormento, tanto os poderosos tronos quanto os anjos humildes. Da Casa mais alta à mais baixa, tereis o amargo fel para vos ensinar o arrependimento.”

[com a traiçao dos Anjos, DEUS retirou a imortalidade dos humanos, agora eles podiam envelhecer e morrer]


ADAO, EVA e CAIM [e seus descendentes] foram com LUCIFER e os Anjos sob seu comando para a cidade de GEHINOM [a primeira cidade]. La, os humanos aprenderam o segredo da forja, do cultivo, enfim, a evoluir no mundo; da mesma forma que ganharam a Consciencia - presente de LUCIFER. 

O que começou como uma boa ideia, infelizmente, virou uma obsessao; os Anjos destruiam as cidades uns dos outros para protegerem-se ou atacar e "salvar" humanos. Foi nesse periodo que ADAO e EVA abandonaram Gehinom e foram para terras nao conhecidas. Eles pretendiam trabalhar em lavouras e evoluirem por seu proprio merito, para que dessa forma, DEUS pudesse ver que eles mereciam o amor DELE, tanto quanto os outros humanos.

Com o sumiço do Todo-Pai ADAO e da Toda-Mae EVA [ou seria Pai e Mae-de-Todos a melhor traduçao de All-Father e All-Mother?], alguns Anjos de LUCIFER foram encontra-los; esses Anjos testemunharam, entao o conceito de ASSASSINATO -pois eles viram CAIM matar ABEL.

EIS A CENA: "Abel desce uma colina com o sol a iluminar sua face, com suas ovelhas a segui-lo, como um verdadeiro abençoado de DEUS. Caim, entretanto, esta com a pele machucada do trabalho na lavoura, do sol e do tempo sobre seu corpo e do estigma de ser rejeitado por DEUS. Abel encontra seu irmao, mas Caim esta mais triste neste dia, mais taciturno, contemplativo. Abel diz que o irmao deve se conformar, afinal, foi Caim quem decidiu ficar com os Anjos de Lucifer; mas que a redençao perante DEUS um dia seria valorizada. Caim diz, entao, que finalmente sabe o que deve fazer para agradar a DEUS [e apunhala Abel com um tipo de faca]."

Aprendendo sobre a destruiçao total de outro ser, os Anjos de Lucifer contam a "novidade"; e um verdadeiro massacre de humanos e Anjos começa -com baixas de ambos os lados. [é claro, que os Anjos ja compreendiam que absorver a essencia de outro Anjo, tambem aumentava seus poderes]

DEUS, vendo essa bagunça e carnificina, decide que é hora de "mostrar a outra face e retribuir na mesma moeda"; ELE desce a terra com uma escolta de Anjos mais forte e mais rapidas [os MALHIM], e aprisiona a todos os Anjos de Lucifer, fazendo-os ficar de joelhos. Ao lado de DEUS, esta o proprio LUCIFER, preso em correntes de pura energia divina e com um ar de nobreza ainda assim. 

DEUS oferece misericordia aos cativos, dizendo que eles seriam realocados na Criaçao [=EU vou refazer vcs, mexer em suas memorias e mudar toda a essencia de vcs, ou seja, EU vou destruir e refazer vcs a Minha vontade, de novo], enquanto uns poucos aceitaram; os que se recusaram presenciaram um outro destino:

DEUS abriu um corte na realidade, mostrando um tunel escuro e frio, oferendo-o como a prisao dos Anjos de Lucifer pela eternidade. Eles entraram nesse corte por questao de ideal, por lealdade e por convicçao de que tinham feito o certo. Quando o ultimo Anjo entrou, eles se deram conta de que estavam sem LUCIFER entre eles, e de que aquele lugar era o NADA ABSOLUTO -um local sem materia de qualquer tipo, nada que eles pudessem alterar para sair.E o NADA era algo tao impensavel, e tao caotico, que acabou corrompendo a cada um desses ANJOS. Suas paixoes e anseios, seus desejos e sentimentos de abandono/traiçao, se transformaram em pura loucura, desfigurando a graça de cada um.

A raiva e outros turbilhoes emocionais transformaram, atraves da eternidade, esses Anjos em DEMONIOS. Desejos contra DEUS, contra LUCIFER, contra a HUMANIDADE; a sensaçao de traiçao, de abandono so lhes dava esperança pela vingança; mas nem todos eram assim -o INFERNO, como o NADA foi chamado, foi composto por 5 facçoes ideologicas - hierarquias infernais.

Cada facçao com um objetivo, tao logo conseguissem sair daquele lugar [destruir, conquistar, escravizar, etc], e cada uma, com seus ARQUI-DUQUES [Anjos de tanto poder, que sua energia, sua essencia era gigantesca em comparaçao a seus semelhantes].

Essas hierarquias eram rigidas, mas foram fragilizadas pelo sumiço repentino dos ARQUI-DUQUES e com a subtita liderança dos DUQUES -nao menos rigida. 

No INFERNO/NADA ABSOLUTO, nao ha contagem de tempo, nao ha noçao de tempo, apenas seres imortais presos pela eternidade para remoer suas lamentaçoes - o que era agravado pelos gritos de almas humanas do lado de fora, ja que a prisao dos Anjos, permeava as Shadowlands. Sofrimentos de humanos que nao podiam ser socorridos e que gritavam e imploravam por segundos, horas e anos interminaveis. Mas isso estava no fim, a MAELSTROM invadiu o mundo dos espiritos e como uma onda devastadora, criou brechas na prisao dos Anjos.

As brechas, porem, eram muito pequenas, possibilitando que apenas os DEMONIOS mais pequenos pudessem passar por elas. Sendo assim, os DUQUES enviavam varios subalternos com a missao de descobrir uma maneira de liberta-los.

A saida pelas Shadowlands alem de traumatizante, era dotada de emoçao, a loucura transformara o amor em raiva e o desespero de se libertar, fazia com que esses DEMONIOS rasgassem as almas ou as usassem como apoios para percorrerem as barreiras entre os mundos. Mas quando saiam da prisao, esses Demonios enfrentavam um PUXAO [Pull of the Abyss], que tentava leva-los de volta a prisao -a maldiçao de DEUS, nao permitia que esses Anjos-DEMONIOS pudessem habitar fora dela.

Tendo que resolver esse problema, pois ninguem gostaria de voltar, o DEMONIO atinge o plano dos Vivos e trata de encontrar um corpo que possa hospeda-lo [corpos sao como receptaculos de fé, containers]. Infelizmente, o DEMON so pode ficar em um corpo que nao tenham força de vontade para resistir, ou que estejam mortos recentemente [aproximadamente 48h]. O historico da pessoa é fusionado ao do DEMON, quando este entra em seu hospedeiro. Drogas, facadas, e outras coisas que prejudiquem a integridade do corpo, sao retiradas ou tratadas pelo poder do DEMON [que se desgasta fazendo isso]. 

Tudo o que o hospedeiro sabia, agora é parte do DEMON -isso inclui comportamento. Ao mesmo tempo em que o DEMON achou um corpo, ele percebe que a realidade agora é desprovida da beleza do EDEN, tudo é menos harmonioso e, principalmente, que nao ha a presença de DEUS ou qualquer outro Anjo a serviço Dele, neste mundo.

Muito bem, vc é esse DEMON. Alguem com o corpo mortal, mas com um essencia atemporal, ainda assim, muito confuso, pois vc nao sabe quanto tempo se passou desde que vc foi aprisionado; nem o que aconteceu com o mundo que vc conhecia, ou as pessoas que vc ajudou. Tudo o que seu hospedeiro lhe informa [e so as memorias, pois vc ou come a alma dele, ou o aprisiona no subconsciente] é o que vc tem [contatos, lugares importantes, amantes, filhos, etc].

VC tambem pode nao se lembrar de tudo o que aconteceu com vc, antes da QUEDA [inicio dos assassinatos de seus irmaos Anjos, por sua propria mao], pois vc gastou muito poder de si mesmo para poder achar esse corpo que habita -vc pode ter esquecido que foi um grande general, bem como de Anjos que falavam com vc antes da Queda, etc.

E VC SABE, que so porque saiu, vc nao esta livre totalmente. Vc precisa proteger esse corpo que habita; se ele morrer, vc é expulso e o PUXAO recomeça [e vc pode nao encontrar outro corpo habitavel]. VC tambem nao ignora as emoçoes de seu hospeiro [seja ele um psicopata, uma adolescente apaixonada, um velhinho gentil, um alcoolatra, etc]. VC nao é somente o DEMON, nao mais; agora vc fica dividido entre tudo o que conhece e aprende. E sabe que sua missao é libertar um DUQUE do inferno e que se vc morrer e voltar para o NADA, vc tera que dar uma boa explicaçao do porque de nao ter exito [o que nao seria nada bom, pra vc]. Ao mesmo tempo, vc encontra um mundo com inumeras criaturas diferentes [vampiros, fadas, lobisomens, fantasmas, etc] e os humanos continuam sendo tao frageis como vc lembra, embora o temperamento tenha mudado [alguns mais gentis, outros menos].

_________________
"Em Meu Coração Jaz o Segredo da Imortalidade"
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
 
A História - Leitura Importante
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Atormentada - A História de uma garota em desespero
» falha na leitura de scripts
» Como criar uma Boa História
» Falha na leitura de arquivos...
» Diálogo em uma história narrada em primeira pessoa

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Entre Anjos e Demônios :: Sistema :: Tutorial Básico - Carácteristicas-
Ir para: